DC/SAMADI Caparica AM|Resumo da competição

publicado há 6 meses por 0

  • dc-samadi-caparica-am-resumo

  • XPR22272

  • XPR22273

  • XPR22291

  • XPR22301

  • XPR22304

  • XPR22311

  • XPR22325

  • XPR22330

  • XPR22354

  • XPR22296

  • XPR22310

  • XPR22362

  • XPR22372

  • XPR22384

  • XPR22387

Depois de mais um grande dia com os melhores skaters nacionais, como podes acompanhar aqui, foi então altura de decorrer o DC/SAMADI Caparica AM ter lugar e dar destaque aos novos talentos e não só…

O DC STREET SESSIONS foi uma edição repleta de acção, com muitas actividades e também várias competições a dar um grande show de skate, aos milhares de espectadores que durante os vários dias de Caparica Primavera Surf Fest foram passando por este festival durante 10 dias.

No passado sábado, foi o dia de encerramento deste festival, e com maias uma competição, a DC/SAMADI Caparica AM, uma competição toda ela dedicada aos skaters mais novos, skaters femininas e skaters da região.

A adesão de skaters foi muito boa, onde destacamos sobretudo a categoria feminina com muitas skaters a marcar presença, e a confirmar o que se tem presenciado nos últimos meses, com mais skaters a dar “um ar da sua graça”, e a exigir também elas um merceido lugar de destaque nas melhores competições nacionais.

Na categoria OPEN, foi também interessante ver várias nacionalidades em prova, um número bem superior ao que estamos habituados.

Da competição em si e no escalão sub14, um dos nossos destaques, vai para os skaters locais com vários skaters muito jovens a marcar presença na final. Mas, o grande destaque do dia acabou por ser o Tomé Jonet um skater da linha, que segue o legado de uma família que já vai na 3ª geração, e mostrando bons skills técnicos a skatar e sagrando-se o grande vencedor desta categoria.

Nas meninas e como já referimos, começa a existir um bom número de skaters, a comparecer nas competições, e algumas a mostrar grandes competências, com manobras por todos os obstáculos algumas delas técnicas. Além disso vemos cada vez, skaters mais novas a marcar presença e uma delas a mostrar já grande potencial e a Filipa Cardona a conseguir mesmo ficar no lote das finalistas. Mas o nosso grande destaque vai para a Laís Reis e Nailha Ganiyeva que tiveram uma saudável mas renhida competição pela primeira posição , mas a Lais a ser mais feliz e consistente nas runs, o que acabou por lhe conferir a vitória.

No escalão OPEN, foi interessante ver skaters de várias nacionalidades a marcar presença com skaters locais. O nível de skate foi bastante bom, grandes manobras e a vitória acabou por ir parar a um skater da ragião, o Daniel Santos, uma cara já hábitual no circuito nacional, e que vem mostrando uma boa evolução e também uma boa estratégia em competição em segundo Rob Carson, Miguel Silva em terceiro e Davi Hastenreiter em quarto.

Em termos de balanço, o DC STREET SESSIONS foi novamente um grande sucesso, a receber a atenção de muitos milhares de espectadores, durante os dias da edição do festival. Sem dúvida que com iniciativas destas o skate continua no bom caminho, para captar novos skaters, mas também para dinamizar cada vez mais o skate, numa zona onde o surf é o desporto que domina, mas que cada vez mais, ambos os desportos se complementam tanto nas suas bases como no seu lifestyle, e onde certamente, já com um projecto de um skatepark para esta zona o número de skaters vai certamente aumentar.

Over 14
1º Daniel Santos
2º Rob Carson
3º Miguel Silva
4º Davi Hastenreiter

Girls
1º Lais Reis
2ª Nailha Ganiyeva
3º Ana Gaspar
4ª Filipa Cardona

Under 14
1º Tomé jonet
2º Ricardo Cosme
3º Salvador Raposo
4º Filipe Ferreira

Comentários