É bem provavel, que alguns dos skaters da velha guarda, tenham começado a skatar por causa de uma ida ao vídeo clube e a descoberta do skate através deste filme.

Conhecemos muitos a quem isto aconteceu, e a magia não se deu como hoje em dia, isto numa altura que a informação era quase inexistente. O que muitos conheciam até então, provavelmente era os “Land Surfer”, os skates fabricados na fundição de Oeiras, ou alguns modelos semelhantes, e pouco mais que isso.

Por esta altura havia já quem andasse a construír os primeiros quarter pipes algures, mas o “movimento” era tão “undergroud”, que ningém sabia de nada a não ser que estivesse muito próximo e com amigos em comum. Estamos a falar do final dos anos 80 e sem os meios de comunicação, como há hoje em dia.

No final dos anos 80, nas prateleiras dos video clubes, apareceram algumas cópias do filme “Os Loucos do Skate”, a adaptação do nome original “Thrashin’”, e foi assim que muitos ficaram a conhecer uma nova dimensão sobre o que era possivel fazer em cima de um skate, para além de descer umas ruas, e talvez os campeonatos de slalom.

Para quem já viu “Os loucos do Skate”, sabe que não se trata de um filme de skate, como o Animal Chin ou outras produções desta altura, mas sim uma história sobre skaters californianos produzido não por skaters, mas sim pela indústria de Hollywood.

Lançado em 1986, este filme conta a história de Corey Webster, um skater amador de uma cidade não muito distante de L.A., que vai passar uma temporada com alguns amigos e participar em algumas competições e fazer o temido downhill o L.A. Massacre.

Como um bom enredo daquela altura e não só, o herói vai dar nas vistas em algumas das competições da altura, mas também se cruza com alguns “vilões” e claro apaixonar-se pela irmã do “mau da fita”, o líder dos Daggers.

Ninguém conseguia ficar indiferente, logo aos primeiros minutos de filme, quando o Corey sai de casa pela janela do quarto, salta o telhado da garagem e dá um boardslide no primeiro curb que aparece à sua frente. A partir desse momento muitos de nós passaram a conhecer todo um mundo novo, e um contágio que é para o resto da vida.

Neste filme não tens só vedetas de Hollywood, mas também tens os verdadeiros skaters que na altura serviram de duplos, para as cenas de acção como Tony Alva, Tony Hawk, Christian Hosoi e Steve Caballero. Falando de bandas, os Red Hot Chilli Peppers tem uma aparição neste filme entre outros.

Bem… para os que sabem do que estamos a falar, matem saudades desta pérola, ou para quem ainda não conhece está aqui certamente mais um grande pedaço de história.

YouTube Preview Image
Comentários

Os comentários estão fechados.